From BlenderWiki

Jump to: navigation, search
Blender3D FreeTip.gif
IMPORTANT! Do not update this page!
We have moved the Blender User Manual to a new location. Please do not update this page, as it will be locked soon.

Sistema de Janelas

Quando você executar o Blender verá uma janela de console (texto) aberta e logo após a janela principal da interface de usuário. Você verá também uma tela Splash da versão do Blender quando iniciado, ela será fechada quando o mouse for movido. Clique na imagem abaixo para ampliar:

Cena padrão do Blender.

(A cena padrão do Blender) mostra a tela padrão quando o Blender é iniciado pela primeira vez. Por padrão, a tela é separada em três janelas:

  • o menu principal no alto é o header (cabeçalho) de uma janela de preferências de usuário;
  • uma grande janela 3D;
  • e a janela de teclas logo abaixo.

Estas janelas podem ser movidas para baixo em áreas separadas. Aqui temos uma introdução, nós mostraremos alguns dos elementos básicos. Acompanhe a descrição usando como referência a imagem acima.

Menu Superior Principal

É o menu principal, cada janela possuiu um menu típico. É nele que estão contidas as informações daquela janela. Para ver realmente a informação da janela, você precisa clicar e arrastar a linha entre o header e a janela 3D. Role o mouse entre eles e mude com as setas up/down, você pode arrastar e ver a janela de “informação”.

Informações "escondidas" sob o header.
  • Tipo de Janela: situado a esquerda no header, permite que você mude de um tipo de janela a outro. Por exemplo, se você quiser ver a janela de Outliner, clique e selecione a mesma. Por padrão, o Blender inicia na janela Info (ReferenceWindows-InfoWindowType.png) User preferences.
  • Tela Atual (Padrão Model) : fica à direita do menu principal (nem todas as janelas a contem). Por padrão, o Blender vem com diversas telas pré-configuradas para que você escolha uma. Se quiser, pode customizar alguma delas, basta criar, nomear e salvar.
  • Cena atual: são múltiplas cenas atuais que permitem que você organize o seu trabalho mudando as cenas.
  • Fonte de informações: localizado ao final do header da janela padrão, dá a você informações sobre a aplicação (como a versão do Blender que está usando) e dos recursos do sistema. Te diz quanto de memória está sendo consumida com base no número de objetos, faces e vértices que estão na cena ativa. É uma forma rápida de visualizar se está chegando ao limite computacional da sua máquina.

Janela de vista 3D

  • Manipuladores 3D: São as setas visuais nos objetos para transformação. Os objetos podem também ser transformados (selecionar/movimentar - girar - escalonar), usando as teclas de atalho (g/r/s), CtrlSpace exibirá o manipulador em pop-up. Para visualizar ou esconder o manipulador clique no ícone de “mão” da barra de ferramentas. As transformações de rotação e escala podem ser usadas clicando em cada um dos três ícones à direita do ícone da mão. ⇧ ShiftLMB Template-LMB.png para selecionar múltiplos manipuladores.
  • Cursor 3D: Pode ter várias funções. Por exemplo, indica onde os novos objetos irão aparecer quando forem adicionados. Ou representar a base de rotação de um objeto.
  • Cubo: Por padrão, quando o Blender é iniciado, é sempre criado um cubo no centro do espaço 3D. Mas provalvelmente você irá criar seu próprio espaço padrão e salvar as modificações usando a conbinação CtrlU.
  • Luz (do tipo lâmpada): Por padrão, quando o Blender é iniciado, é criada uma luz em alguma parte do espaço 3D.
  • Câmera: Por padrão, quando o Blender é iniciado, é criada uma câmara em alguma parte do espaço 3D.
  • Objeto atualmente selecionado: mostra o nome do objeto atualmente selecionado.
  • Grupo de painéis de edição: Os botões de janelas exibidos nos painéis e em grupo de painéis. Esta fileira de teclas permitem que você selecione um grupo de painéis que é exibido. Alguns botões exibirão de adição à direita para a seleção de subgrupos ou de grupos dentro de grupos.
  • Frame Atual: O Blender é uma aplicação de modelagem e animação. Com isso, as animações são baseadas em conceitos de frames. Este campo exibe o frame atual.
  • Tipo de visualização: o Blender renderiza a janela usando OpenGL. Você pode então interagir no espaço 3D exibindo diversos tipos de visualização, são: modo Texturizado, Sólido, WireFrame e Bounding Box. Caso use a opção de modo texturizado é recomendado que tenha uma placa gráfica que atenda as necessidades do programa.
  • O ponto do pivô: permite que você selecione onde a rotação ocorrerá. Por exemplo, a rotação podia ocorrer sobre a origem local de um objeto ou sobre a posição do cursor 3D.
  • As Camadas: Para uma modelagem e animação mais fácil. As camadas do Blender existem para ajudar a distribuir os seus objetos em regiões funcionais. Por exemplo, uma camada pode conter o objeto água e outra pode conter árvores, ou uma camada pode conter câmeras e luzes.
  • Header da Janela 3D: Todas as janelas do Blender possuem headers. Este é o header da janela 3D.

O Header de Janelas

A maioria das janelas tem um Header (uma tira cinza claro no fundo que contém ícones de botões). Nós vemos um header também na barra de ferramentas. O header pode estar no alto da janela ou em baixo, próximo aos painéis.

Se você passar o mouse sobre alguma janela, o header muda de cor para um cinza claro. isto significa que a janela esta "focalizada", todos as teclas de atalho afetaram apenas na janela focalizada.

O ícone na esquerda da extremidade de um header, com um clique LMB Template-LMB.png permite a seleção de 16 tipos de janelas diferentes. A maioria dos headers de janela, estão situados em cada tipo de janela "Window Type", quando clicado exibe um conjunto de menus. Os menus permitem que você alcance diretamente muitas características e comandos. Os menus podem ser escondidos e exibidos através de uma tecla triangular ao lado deles.

Os menus mudam com o tipo de janela, objeto e os modos selecionadas. Exibem somente as ações que podem ser executados. Todas as entradas do menu mostram as teclas de atalho, se existirem.

Você pode esconder o header de uma janela movendo o mouse lentamente para a borda e clicar sobre ele, você terá as opções : Split Area, Join Area e No Header, selecione No Header para esconder o header. Para exibir um header escondido, mova lentamente o mouse para as bordas e clique con direto, no menu pop-up selecione Add-Header para exibir novamente. Você de ter percebido, se estiver praticando com o Blender, é que quando a dupla seta aparece, quando o mouse passa sobre as bordas, mais para um lado os comandos serão executados nesse lado.

O Menu Split

O header pode ser exibido no topo ou em baixo, clique com botão direito do mouse no header e escolha Top para posicionar no topo da janela ou escolha Botton para posicionar para baixo na janela.

Frames em Mudança de Janelas

Você pode maximizar uma janela para cobrir toda a tela, clique no botão Panels e selecione Maximize Window. Para retornar ao tamanho normal, siga o mesmo processo mas selecione agora Title Window. Para fazer isso de maneira mais rápida, utilize ⇧ ShiftSpace, Ctrl ou Ctrl para maximizar ou voltar com a janela.

Você pode mudar o tamanho da janela focalizando o mesmo (mova o mouse para sua borda) clicando na beira vertical ou horizontal com MMB Template-MMB.png ou RMB Template-RMB.png e selecionando Split Area (o menu Split pode criar novas janelas).

Você pode agora ajustar a posição da nova janela movendo o seu mouse para a posição desejada e clicando LMB Template-LMB.png, ou você pode cancelar teclando Esc. A nova janela criada iniciára como um clone da janela que você usou. Pode então ser ajustada para um tipo diferente de janela, ou iniciar a cena de um ponto diferente de vista (no exemplo da janela 3D).

Divisão da janela 3D

Você pode escalar as janelas arrastando suas beiras com LMB Template-LMB.png.

Você pode juntar duas janelas clicando nas bordas entre elas com RMB Template-RMB.png ou MMB Template-MMB.png e escolher Join Areas. Você será indicado em qual das duas janelas clicar, a que for clicar irá desaparecer, enquanto a outra irá se expandir e cobrir a tela de ambas as janelas. Se você teclar Esc antes de clicar, a operação será cancelada.

Ítens da Interface
Textos em botões de janelas, entradas de menu, e geral, todo o texto mostrado na tela são destacados nesse manual como neste quadro.

Janelas de Console & Mensagens de Erro

A janela do console é uma janela de texto do sistema operacional que exibe mensagens sobre as operações do Blender, status, e erros internos. Se o Blender deixar de executar, é uma boa idéia verificar essa janela para ver se há avisos. Algumas mensagens de erro são:

Checking for installed Python...No installed Python found

Você não tem uma instalação válida do Python, que é a linguagem de scripting do Blender. Você não executará os scripts que atendem as funcionalidades do Blender; entretanto, toda a funcionalidade interna estará disponível a você.

malloc returns nil()

O pedido de alocamento na memória diz que não há memória disponível. Você executou funções que extrapolam a quantidade de memória do seu computador. É recomendável então adicionar mais memória RAM, ou reduzir os tamanhos de imagem que você está usando.